Qual o modelo mais interessante para mesas de diretoria

Primeiramente vamos esclarecer uma dúvida frequente de quem procura mobiliário corporativo. E esta duvida está relacionada a confusão entre os títulos dados ao mobiliário do escritório e basicamente é a seguinte: “Devo procurar uma mesa de diretoria ou uma mesa de reuniões?”.

Pode parecer curioso, mas há muitas pessoas que confundem esses dois conceitos. Mas para encontrar a mesa de diretoria perfeita, primeiro saiba exatamente o que você está procurando.

Mas não se preocupem confundir as mesas de reunião com as mesas para diretoria  é perfeitamente comum, afinal, ambas representam uma posição de status superior dentro de uma empresa e muitas vezes até se assemelham no design. Mas não se engane, as mesas de diretoria e as mesas de reuniões possuem finalidades muito diferentes e para por um fim, de uma vez por todas nessa questão, vamos definir estes dois conceitos da seguinte forma:

Mesa de reunião

A mesa de reuniões possui uma superfície mais ampla, frequentemente retangular, feita para permitir que diferentes colaboradores se sentem ao redor dela, com o objetivo de participar de uma palestra ou treinamento. Nessas situações, quase sempre a cadeira usada pela diretoria, é a que tem o espaldar mais alto, mas isso pode variar de empresa a empresa.

Elas são posicionadas nos centros das salas e são o único móvel no ambiente, ou o móvel mais importante, justamente para não provocar um desvio na atenção de quem participa dos eventos propostos.

Mesas de diretoria

Já as mesas de diretoria, propriamente ditas, são superfícies feitas para atender ao profissional que atue em função de liderança, e por isso podem ficar em qualquer posição que o espaço do escritório pessoal desse profissional permita, ou em posição de destaque numa grande operação, por exemplo ao que acontece nos escritórios de telemarketing ou na gerencia de agências bancárias. De modo que, por trás dela, um gestor ou outro líder, possa atender á clientes que visitem sua sala ou até receber colaboradores de outros setores, se for o caso.

Qual modelo de mesa para diretoria combina mais com o seu espaço?

Na hora escolher um modelo é preciso entender  o que a decoração do ambiente deseja transmitir ao cliente ou colaborador.

Afinal, esta se trata de um espaço descontraído, com muitas cores e design leve, ou de um ambiente mais sóbrio, com decoração que lembra a tradicionalidade e preza pela austeridade?

A mesa de diretoria deve fazer jus ao restante do mobiliário da empresa. Por isso lembre-se:

  • As formas retangulares podem representar bem a seriedade de um ambiente como o do segundo exemplo, enquanto as mesas para diretorias que inspirem maior leveza, podem dispor de uma variedade mais ampla de cores e formas.
  • Triângulos e linhas sinuosas são excelentes para ambientes joviais e as cores podem ser igualmente versáteis em tons claros.

Interessante lembrar que as mesas serão principalmente usadas como ambiente de trabalho e por isso precisam comportar bem todos os equipamentos necessários para a função de liderança. De modo que represente um móvel bonito, mas acima de tudo, funcional.

A mesa de diretoria tem que ser grande?

Grande não é bem a palavra que deve ser usada quando se fala na escolha de mesa para diretoria.

Afinal, caso haja um espaço pequeno disponível, a mesa precisa ser pensada para aproveitar melhor as dimensões da sala. No entanto, usualmente as mesas e cadeiras de profissionais de liderança costumam sim receber mais destaque e ele pode vir em forma de design, caso se opte por uma mesa pequena.

Por isso pense que maior muitas vezes uma mesa pequena pode oferecer tudo o que esse profissional precisa, e ainda assim transmitir imponência.

Ergonomia e segurança.

Para garantir a segurança do profissional que trabalhará em contato com a mesa:

  • Prefira sempre os cantos arredondados.
  • Dê prioridade para mesas ajustáveis.
  • Opte sempre por superfícies que sejam de material fácil de higienizar.

Com esses cuidados, fica fácil escolher um equipamento que vai colaborar com a empresa, com o profissional e também com o ambiente em que ela será instalada.